Museu de Artes Assis Chateaubriand é homenageado em sessão especial

Em comemoração ao aniversário de 50 anos do Museu de Artes Assis Chateaubriand (MAAC), com a propositura da presidente Ivonete Ludgério e do vereador Lula Cabral, a Câmara Municipal de Campina Grande realizou na manhã dessa segunda-feira (18) uma sessão especial para homenagear e reconhecer a importância educacional e histórica desse equipamento para a preservação cultural da sociedade e de todo o município.

O Museu foi idealizado pelo paraibano Assis Chateaubriand, que lançou a Campanha Nacional dos Museus Regionais para coletar doações de obras de arte e equipá-lo. O acervo inicial contava com 120 obras doadas por vários segmentos e foi inaugurado no dia 20 de outubro de 1967. Atualmente a Fundação Universitária de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão (FURNE) ministra o local e conta com 566 obras que são programadas, periodicamente, para exposição aos campinenses.

De acordo com a vereadora Ivonete Ludgério, o museu possui um valor inestimável para toda população da cidade e é um dos equipamentos culturais mais importantes da Paraíba. “A FURNE está de parabéns por administrar essa importante máquina cultural da nossa cidade, a Câmara estará sempre de portas abertas para contribuir com o desenvolvimento da cultura no município”, disse.

O presidente da FURNE, Severino Brasil, destacou a relevância do museu como instrumento democrático na formação educacional dos cidadãos, que garante o acesso à todos para difusão da arte. “Agradecemos pela merecida homenagem ao Museu concedida por essa Casa, isso nos enche de orgulho pelo reconhecimento do que representa todo o trabalho desenvolvido para projetar e difundir o maior acervo de artes de Campina Grande”, agradeceu.

A diretora do Museu, Regina Rocha, retratou sobre a coleção de obras pertencentes ao equipamento, ressaltando a valorização das políticas e dos bens culturais brasileiros e internacionais. “Falar do MAAC é falar de um dos mais importantes equipamentos museológicos do Brasil, com uma coleção de obras representativas da história da arte nacional e estrangeira. Estamos empenhados para criação de uma nova etapa na história da cultura”, finalizou.

Dirp./CMCG

Representantes das segurança pública estadual são homenageados na CMCG

A Polícia Militar do Estado da Paraíba foi homenageada na manhã dessa segunda-feira (11) na Câmara Municipal de Campina grande através da entrega de Título de Cidadão Campinense aos coronéis Marcílio Pio Chaves e Paulo Almeida da Silva Martins, além da Medalha de Honra ao Mérito Municipal concedida ao capitão Hilmário Xavier Silva pelos diversos serviços prestado em favor da população campinense.

Durante a solenidade a filha do ex-vereador Rildo Fernandes, in memoriam, explicou a propositura para concessão do Título ao Coronel Marcílio feita pelo pai, destacando a vida devotada do policial à serviço da segurança civil na sua corporação. “Meu pai reconheceu suas virtudes, valores e princípios, pontuando o excelente trabalho prestado em prol da segurança pública com ações por toda a Paraíba”, disse.

O parlamentar Olímpio Oliveira, autor da propositura de condecoração ao Coronel da BPTran-PB Paulo Almeida, também fez o uso da palavra para engrandecer o trabalho realizado pelo o seu homenageado, com o exercício em sua corporação e nas comunidades. “O trabalho feito pela polícia vai além da obrigação pois não é qualquer trabalho, é missão desses homens que saem todos os dias de casa para arriscar a própria vida e enfrentar a violência”, ressaltou.

Para o vereador Galego do Leite esse foi um momento muito importante para a Casa Legislativa Campinense, onde o seu tributo, Capitão Hilmário Xavier, recebeu a medalha de honra e foi reconhecido pelos benefícios trazidos à população. “O capitão é um homem íntegro e ético em toda sua trajetória profissional, sempre com uma postura decente a respeito do seu trabalho e merecedor dessa justíssima homenagem”, enalteceu.

Após a série de homenagens recebidas pelos amigos, familiares, autoridades e parlamentares da Casa de Félix Araújo, os três homenageados tiveram espaço para agradecer a todos, principalmente às corporações que trabalham pelo o bem da sociedade paraibana, destacando o cumprimento dos seus deveres independente das dificuldades impostas diariamente e cooperando com as melhorias na cidade de Campina Grande.

Dirp./CMCG

Câmara realiza sessão com palestras sobre o Novembro Azul

A Câmara Municipal de Campina Grande realizou na manhã dessa quinta-feira (30) uma sessão especial para conscientizar a sociedade campinense sobre a Campanha Novembro Azul, alertando sobre a prevenção e os cuidados com a saúde, especialmente do homem, estimulando a realização dos exames para que a detecção do câncer de próstata seja precoce e o tratamento oferecido seja eficaz na cura.

O  parlamentar Sargento Neto, representando os vereadores Luciano Breno e Marinaldo Cardoso, os três como propositores dessa da solenidade, ressaltou a importância da divulgação desse ato para garantia da saúde masculina. “Novembro Azul é uma campanha que deveria ter um destaque ainda maior, com mais mobilizações para diminuir o preconceito dos homens que deixam para ir ao médico em último caso. Temos que conscientizar e previnir”, declarou.

Durante todo o mês de novembro a Secretaria Municipal de Saúde ofereceu em todas as Unidades Básicas, Policlínicas e Centros de Saúde ações voltadas para orientar a população masculina, através de palestras e rodas de conversa, com o objetivo de atrair mais homens em busca de atendimentos médicos nas diversas áreas oferecidas e incentivar sobre a realização de check-ups anualmente.

O vereador Marinaldo Cardoso ainda lembrou aos presentes sobre a Lei Municipal Nº 043/2000, de sua autoria, que institui a semana municipal de combate e prevenção ao câncer de próstata para diminuir os casos da doença. “Esse projeto trata também sobre a questão do preconceito a ser vencido entre os homens para realização dos exames, com um trabalho feito com assistentes sociais e psicólogos, melhorando a qualidade de vida dos homens”, explicou.

A sessão contou com as palestras dos médicos Jairo Oliveira e Wendyson Souza, ambos urologistas que trouxeram esclarecimentos sobre a doença e a sua incidência, como ocorre o diagnóstico precoce e o devido tratamento. Os campinenses presentes ainda tiveram a oportunidade de fazer alguns exames realizados no Plenário da Casa pelo Laboratório F. Diniz.

Dirp./CMCG

Poeta é homenageado com Título de Cidadão Campinense

A Câmara Municipal de Campina Grande realizou na noite dessa segunda-feira (27) uma sessão especial para conceder o Título de Cidadão Campinense ao poeta e professor Aziel Lima, presidente da ASSORAC e conhecido por ser idealizador de um projeto de bibliotecas comunitárias no município. A propositura foi do parlamentar João Dantas, aprovada por unanimidade pelos demais vereadores da Casa.

Nascido na cidade de Conceição de Piancó, localizada no sertão paraibano, Escleide Gomes de Lima foi o nome dado pelos pais agricultores ao poeta que, após a morte do pai, se mudou para Campina Grande com nove anos. Aziel conta com um currículo vasto e de com várias prestações de serviço ao município, destacando-se o Projeto Jovem Repórter, Cordel na Escola, Projeto contra o uso do crack e a idealização e implantação de quatro bibliotecas comunitárias com um acervo de mais de 20 mil obras.

A homenagem é um reconhecimento não só pelo talento do ativista cultural, mas também pelo trabalho realizado com vários jovens campinenses despertando neles o interesse pela arte, segundo o vereador João Dantas. “Essa é uma das mais justas homenagens de reconhecimento prestadas por essa Casa, a cidadania e trabalho social desenvolvido a partir das ações de Aziel faz dele merecedor”, explicou João Dantas.

Os amigos e familiares presentes homenagearam o poeta destacando o exemplo de comprometimento com o trabalho nas comunidades que ele tem, sempre contribuindo para o fortalecimento da cultura regional e preservação dos costumes populares. Além disso, também enalteceram sua valorização pelos direitos sociais e humanos com o objetivo de garantir a qualidade de vida na sociedade.

Em forma de versos de sua própria autoria o homenageado agradeceu a cada um dos que fizeram parte da sua trajetória, ressaltando a importância do apoio recebido pelos amigos e voluntários que auxiliam suas atividades. “Esse título é de cada amigo representado, cada cidadão campinense, cada pessoa que está conosco na batalha. E é com muito orgulho recebo essa honraria”, finalizou Aziel Lima.

Dirp./CMCG

Câmara entrega Medalha de Honra ao Mérito ao lutador Alberto Miná

Dando continuidade as homenagens e entregas de honrarias, a Câmara Municipal de Campina Grande realizou no Plenário da Casa na noite dessa quinta-feira (09) uma sessão especial para concessão da Medalha de Honra ao Mérito Municipal ao lutador Alberto Hipacio Miná de Araújo, propositura do vereador Antonio Pimentel Filho aprovada por unanimidade pelos parlamentares campinenses.

O homenageado nasceu em Campina Grande e iniciou sua carreira nas artes marciais aos cinco anos de idade, sendo incentivado pelos pais, pelo professor e por projetos sociais que apoiam a causa esportiva. Com seu desenvolvimento ganhou destaque e começou a dedicar-se às competições, colecionando muitos títulos em vários níveis e comemorando cada um com sua marca histórica, o chapéu de couro para lembrar a todos as suas origens.

Durante sua justificativa, o vereador Antonio Pimentel Filho emocionou os presentes falando sobre a trajetória de vida de Alberto Miná, suas lutas e superações sempre em busca de mostrar o seu melhor. “O sucesso do nosso homenageado em muito honra nossa cidade e nosso Estado, merece nossa gratidão e aplausos. Campina se orgulha dele e está bem representada pelo seu valor como atleta e cidadão”, agradeceu.

Após os discursos dos familiares e amigos parabenizando Alberto pelo momento, sua mãe o felicitou e pediu para que houvesse mais incentivos ao esporte, dando oportunidade par outros jovens conquistarem esse momento. “Sempre disse para o meu filho que é necessário fazer as coisas sem esperar recompensas, porque quando realmente se recebe é muito melhor aproveitado”, ainda disse.

Finalizando a sessão o homenageado fez o seu momento de agradecimento e, emocionado, enalteceu o trabalho em conjunto de todas as pessoas que o ajudaram e lutam pelo esporte. “Diante da minha família e amigos eu gostaria de agradecer a essa Casa por coroar todo o esforço feito por mim e pelo os que me acompanharam ao longo desses anos, Campina terá de mim tudo o que eu tiver”, concluiu Miná.

Dirp./CMCG

Educadora Yara Macêdo recebe Medalha de Honra em sessão especial

Em mais um dia de homenagens e reconhecimento do trabalho realizado para o bem da cidade, a Câmara Municipal de Campina Grande realizou na manhã dessa quarta-feira (08) uma sessão especial, iniciativa do ex vereador Manoel Ludgério, para enaltecer os serviços prestados pela professora Yara Macêdo Lyra à comunidade campinense e fazer a entrega da Medalha de Honra ao Mérito Municipal por toda sua trajetória em favor da educação.

A educadora homenageada tem um histórico forte na luta do empreendedorismo, educação, cultura e tantas outras áreas de atuação no município, trabalhando para alcançar o desenvolvimento e trazer melhorias para o povo. Diante disso, a vereadora e presidente Ivonete Ludgério solicitou a entrega da moção honrosa que havia sido aprovada por unanimidade desde o ano 2000, agradecendo Yara Macêdo por todas as conquistas trazidas para cidade.

Em justificativa à iniciativa o deputado licenciado Manoel Ludgério, atual Chefe de Gabinete da Prefeitura Municipal de Campina Grande, discorreu sobre a vida da orientadora, o desempenho das suas ações em busca de projetos relevantes para formação profissional e cidadã de várias pessoas.

“Vi em Yara uma campinense que busca enaltecer nossa cidade com o seu trabalho, sempre fazendo um percurso pautado em competência e dignidade. Temos que engrandecer quem verdadeiramente faz algo por nossa cidade para que essa honraria tenha o valoroso significado, e através dessa homenagem eu também reconheço e valorizo o trabalho de todas as mulheres campinenses”, destacou o Manoel Ludgério.

Em agradecimento, a educadora e ex-diretora da Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas (FACISA) falou sobre sua trajetória ativa, compromissada com o crescimento sustentável e o oferecimento de oportunidades. “Sempre pensei em fazer o melhor para o crescimento da nossa cidade, lutei muito por essa terra e continuo lutando por seu desenvolvimento. Espero ainda ver essa cidade bem desenvolvida e dando aos seus filhos o futuro que merecem, agradeço a todos pelas homenagens”, disse Yara.

Dirp./CMCG

CMCG faz sessão de encerramento do Outubro Rosa e incentiva a prevenção contínua

Durante a manhã dessa terça-feira (31) a Câmara Municipal de Campina Grande realizou uma sessão especial alusiva ao encerramento das atividades do Outubro Rosa, mês de conscientização do câncer de mama. A sessão foi proposta pela presidente Ivonete Ludgério (PSD). Houve palestras, depoimentos de luta e vivência de mulheres portadoras de câncer de mama, além de orientações voltadas para a prevenção.

A sessão contou com momentos dinâmicos e de relaxamento, com palestras e debates sobre o tema e intensificando a divulgação de dados sobre a doença. Atualmente o Brasil apresentou 60 mil casos de mulheres com câncer de mama, dentre esses fora 750 só na Paraíba, mas a maior preocupação é com as pessoas que ainda não tem acesso ao atendimento básico de saúde, o que pode aumentar a porcentagem de portadores.

A médica mastologista e presidente da ONG Mulheres de Peito, Cristiane Araújo, ressaltou que a melhor forma de prevenir esse problema é a realização de exames e diagnóstico precoce imediato. “Nossa proposta é dar atenção básica para mulheres que tem câncer de mama com atendimento imediato. Também temos que investir no rastreamento calculado, através de exames, para diminuir o número de óbitos”, explicou.

Em depoimento sobre a convivência e luta contra o câncer de mama, as cunhadas  Kaline e Verônica emocionaram os presentes com suas histórias de vida e falaram da importância do exame antes dos 50 anos. “Nós somos jovens, eu com 36 anos e Kaline com 27, o câncer não escolhe idade ou raça e não é um diagnóstico fácil, por isso é necessário ser prevenido. Seguimos juntas em tratamento, pois quando unimos forças somos mais fortes”, disse Verônica.

Para a vereadora Ivonete Ludgério o momento é importante para trazer o debate à sociedade civil, tanto mulheres quanto homens, que as ações preventivas devem tornar-se cotidianas e não devem ser interrompidas, valorizando o cuidado permanente com a saúde. “Não poderíamos deixar passar esse mês de outubro sem falar sobre a prevenção do câncer de mama, alertando as mulheres campinenses sobre essa doença. Nossa luta não é só durante esse mês, essa Casa Legislativa lutará todos os meses pela vida”, falou.

Dirp./CMCG

Sessão marcante celebra Dia da Pessoa Surda e homenageia primeiro surdo da Paraíba a obter título de mestre

Atendendo a uma propositura do vereador Lucas Ribeiro (PP), a Câmara Municipal de Campina Grande realizou na manhã desta terça-feira, 26, uma sessão especial para celebrar o Dia Nacional da Pessoa Surda e, durante a solenidade, foi entregue a Medalha de Honra ao Mérito Municipal ao professor José Tiago Ferreira Belo, primeiro surdo da Paraíba a obter o título acadêmico de mestre.
Durante seu pronunciamento, Lucas Ribeiro explicou que seu contato mais próximo com o segmento aconteceu antes da candidatura parlamentar, através de amigos, quando passou a conhecer e aprender a Língua Brasileira de Sinais (Libras), cuja difusão considera uma ação prioritária.
“É preciso que haja intérpretes de Libras em todos os setores, afinal, assim como todos consideram importante o aprendizado de um outro idioma, como o inglês, que seja incluído no cotidiano da sociedade uma língua tão necessária como a Libras”, destacou, listando dificuldades do cotidiano dos surdos causadas pela barreira na comunicação, como os transtornos para um simples atendimento em qualquer estabelecimento comercial.
Dentre os momentos marcantes da solenidade, ocorreram quatro pronunciamentos de surdos, através da Língua Brasileira de Sinais, que, com o auxílio de uma intérprete, expressaram os desafios que enfrentam e apresentaram demandas às autoridades. “Foi um instante de garantia do exercício da cidadania para estes campinenses, um momento que queremos ver ampliado à realidade diária dessas pessoas”, frisou Lucas Ribeiro.
JOSÉ TIAGO
Homenageado com a mais alta comenda de Campina Grande, José Tiago Ferreira Belo revelou-se emocionado, agradecendo a Lucas Ribeiro pela iniciativa e à Câmara Municipal pela aprovação da homenagem. “Parabenizo o vereador pela postura, pelo desejo de aprender a língua de sinais; creio que Lucas é um exemplo para os demais vereadores”, comentou.
Durante seu discurso, em Libras, o professor também tratou das angústias e desafios dos surdos, e pediu maior apoio da classe política como um todo às demandas do segmento. Tiago deu enfoque especial à necessidade da ampliação do ensino da Língua Brasileira de Sinais. “Quando você aceita a Libras, também aceita a pessoa surda e aceita os seus direitos. A vida do surdo não é fácil, a gente luta muito. Os políticos precisam trabalhar pela inclusão da pessoa surda, que não quer viver segregada”, disse, e concluiu declarando que a homenagem que recebeu contempla toda a comunidade surda campinense.
Professores, intérpretes, representantes de entidades ligadas aos surdos, além de autoridades políticas, como o secretário municipal Tovar Correia Lima e a deputada estadual Daniella Ribeiro, participaram da solenidade.
***Conteúdo de responsabilidade da Assessoria

Câmara celebra Dia Nacional do Surdo em sessão especial

Para celebrar o Dia Nacional dos Surdos, comemorado em 26 de setembro através da Lei nº 11.796/2008, a Câmara Municipal de Campina Grande realizou na manhã dessa terça-feira uma sessão especial, proposta pelo vereador Lucas Ribeiro, para homenagear a comunidade surda do município e entregar a Medalha de Honra ao Mérito Municipal para José Tiago Ferreira Belo, o primeiro professor surdo a obter o título acadêmico de mestre na Paraíba.

No Brasil há cerca de 9 milhões de deficientes auditivos e, para o parlamentar Lucas Ribeiro, a sociedade precisa discutir sobre a inclusão dessas pessoas garantindo seus direitos como cidadãos. “Temos que enxergar a necessidade de trazer dignidade para a comunidade surda, tornando essa cidade acessível para todos. O conhecimento de libras é essencial para ter acessibilidade, por isso devemos investir na capacitação de servidores em todos os níveis”, explicou.

A luta para o reconhecimento e valorização da língua dos sinais é a medida efetiva mais importante para comunidade surda, a partir de ações e divulgações das libras todo o corpo social ganha conhecimento. Através dessa proposta haverá o crescimento na qualidade de inclusão e melhorias na educação dos surdos, estimulando o desenvolvimento do surdo e possibilitando várias oportunidades como cidadãos.

Durante a sessão especial foi entregue a Medalha de Honra ao Mérito Municipal para o professor paraibano, natural de Campina Grande, José Tiago. O homenageado contou sobre as dificuldades enfrentadas para garantir sua educação por falta de acessibilidade, destacando a importância da Escola de Áudio Comunicação (EDAC) na sua formação como pessoa e como profissional.

“É preciso pensar nas necessidades das pessoas surdas e reconhecer que também temos direitos. Nos sentimos excluídos em muitos momentos, principalmente quando precisamos da ajuda de intérpretes e não os temos disponíveis. Essa medalha é fruto de muita luta em busca de inclusão para o desenvolvimento da nossa comunidade, minha identidade e cultura é surda, tenho orgulho disso e vamos continuar a luta”, disse o professor José Thiago.

Dirp./CMCG

Com homenagem a professor e discurso em Libras, CMCG celebra Dia da Pessoa Surda nesta terça

A Câmara Municipal de Campina Grande realiza nesta terça-feira uma sessão especial alusiva ao Dia Nacional da Pessoa Surda, que é celebrado em 26 de setembro. Durante a solenidade, que acontecerá atendendo a uma propositura do vereador Lucas Ribeiro (PP), será entregue a medalha de honra ao mérito municipal ao professor José Tiago Ferreira Belo, primeiro surdo da Paraíba a obter o título acadêmico de mestre.

“Essa data é importante porque traz uma reflexão, que deve ser permanente, sobre os desafios enfrentados pelos surdos no Brasil e a necessidade de implementação de políticas públicas e iniciativas da sociedade em geral no sentido de garantir a plena inclusão desses cidadãos”, comentou Lucas Ribeiro, destacando que uma das principais ações de inclusão dos surdos é a difusão da Língua Brasileira de Sinais (Libras).

O desafio de expandir o ensino da língua será um dos temas que pautarão as discussões nesta terça-feira na Câmara Municipal. Aliás, quem estiver na sessão poderá acompanhar um discurso na Língua Brasileira de Sinais, proferido pelo professor mestre José Tiago Ferreira Belo, que receberá a mais elevada comenda de Campina Grande. A homenagem também é de autoria do vereador Lucas Ribeiro.

Foram convidados para a solenidade representantes de diversas entidades, a exemplo da UFCG, UEPB, IFPB, associações de surdos, escolas de surdos, pastorais com atuação junto ao segmento, secretarias de educação do Município e do Estado, personalidades ligadas à causa em prol dos direitos do segmento, bem como autoridades políticas. A sessão tem início prevista para as 10h.

***Conteúdo de responsabilidade da Assessoria